Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.
 

PORTUGAL COM SEVILHA

 

Nossa viagem, inicialmente, seria apenas para Portugal. Lendo e ouvindo outras pessoas e, devido à proximidade com Portugal resolvi incluir também uma passada em Sevilha. E valeu muito a pena ter feito isso. Recomendo muito essa pequena desviada no roteiro.

 

ÍNDICE

ATENÇÃO: VIAGEM REALIZADA EM 2017.  Os preços listados são da época da viagem.

 

- O ROTEIRO - cidades, trajetos e distâncias

- AS VIAGENS - avião, carro e trem. Prós e contras e o que gastamos

- O PERÍODO DA VIAGEM - duração e clima

- HOSPEDAGENS - avaliação e preço dos locais onde ficamos

- OS PASSEIOS - o que foi bom e o que não agradou muito

- ALIMENTAÇÃO - o que comemos e quanto gastamos

- SEGURANÇA - Perigos ? Nem tanto.

- RESUMO - avaliação global. Valeu ou não valeu ?

 

 O ROTEIRO

 

Portugal é um país pequeno. Do Faro, bem ao sul, até Bragança, bem ao norte, a distância é de 720km. Você cruza o país inteiro em cerca de 6h 30min. As estradas, mesmo as secundárias, são excelentes. Portanto, vale muito a pena viajar de carro. Quebrando as viagens elas ficam pequenas e rápidas e não são cansativas.

 

Dia 0 - Viagem RJ - Lisboa pela TAP com chegada às 05:00 da manhã do dia 1

 
Dias 1, 2 e 3 - Lisboa (Sem carro. Não tem necessidade)

 
Dia 4 - Lisboa - Sintra - Cascais e volta para Lisboa pelo litoral (Início do aluguel do carro)

Percurso total - 78km

 

 

Dia 5 - Viagem Lisboa - Óbidos com parada em Fátima

Percurso total - 213km

 

Dia 6 - Viagem Óbidos - Porto com paradas em Peniche e Nazaré

Percurso total - 301 km (A ida a Peniche é desnecessária. Fomos porque tínhamos um interesse especial. Caso você tire Peniche do roteiro o percurso total cai para 251km)

Dias 7 e 8 - Porto

Dia 9 - Viagem Porto - Évora (Évora foi incluída no roteiro para quebrar a viagem Porto-Sevilha em dois trechos menores)

Percurso total - 407 km

 

Dia 10 - Viagem Évora - Sevilha

Percurso total - 324 km

Dia 11 - Sevilha

Dia 12 - Viagem Sevilha - Lagos

Percurso total - 276 km

Dia 13 - Lagos

Dia 14 - Viagem Lagos - Lisboa pela Costa Vicentina

Percurso total - 284 km

 

Dia 15 - Lisboa e volta para o RJ às 23:30 horas pela TAP

 

AS VIAGENS

1. TAP

 

Já havíamos voado pela TAP sem problemas. Desta vez não foi tão bom. 

Comprei as passagens RJ-Lisboa com cinco meses de antecedência para o horário das 22:00 horas, pois precisava trabalhar no dia da viagem. Faltando poucas semanas para a viagem, cancelaram o voo e mudaram nossas passagens para o voo das 15:30 no mesmo dia.

Os assentos reservados quando fiz a mudança de horário não foram respeitados. Haviam mudado os assentos quando fiz o check-in.

A programação dos filmes dentro do avião era fixa e respeitava um horário pré-programado. Para ver algum filme você só podia vê-lo na hora estabelecida pela programação e não no melhor horário para você.

No voo Lisboa - Rio de Janeiro só havia uma opção de refeição - carne com purê de batata - e bem ruim.

O espaço interno entre as poltronas, como sempre, muito pequeno.

O lado bom foi que os voos foram bem tranquilos, os horários respeitados e comissárias de bordo bem atenciosas.

Os preços

Paguei em novembro de 2016 - US$ 890,00 por cada passagem

 Comparações interessantes:

      Em outubro de 2016 teria pago - US$ 840,00

      Em março de 2017 (um mês antes da viagem) - US$ 1075,00 

Vale a pena comprar antecipado.

 

2. O CARRO

 

Aluguei o carro aqui no Brasil através do site www.rentalcars.com . Achei o atendimento muito bom e me deram todas as informações necessárias. Ao chegar ao guichê da locadora, em Lisboa, aconteceu tudo exatamente como haviam me informado.

Contratei o seguro total, sem franquia, com a rentalcars. Mesmo assim a locadora fez o bloqueio no cartão de crédito, no meu caso de 2000 euros. É de praxe.

Aluguei o carro na locadora GUERIN. Bom atendimento, tanto na retirada quanto na devolução do carro. Carro em muito bom estado. No balcão contratei o VIA VERDE, passe para não entrar em fila nos pedágios. Paguei 15 euros além dos valores dos pedágios (vale muito a pena). Tive que pagar ainda uma taxa aproximada de 35 euros pois meu roteiro incluía uma cidade fora de Portugal (Sevilha). Já sabia desta taxa pois havia sido informado pela Rentalcars.

Como éramos 4 pessoas com 3 malas médias e 1 pequena escolhi um carro do padrão COMPACTO (Ford Focus, Seat Leon ... ). No balcão pedi para receber o carro com o maior porta malas da categoria. Foi a deixa para a vendedora tentar me vender um modelo acima (tipo wagon) mas nem insistiu muito. Quando viu que eu não iria aceitar, me deu um Golf Variant VII. Excelente carro com excelente porta malas.

 Os preços

O aluguel do carro foi 233 euros por 11 dias pegando e devolvendo em Lisboa. Se você pegar em uma cidade e devolver em outra a taxa de retorno é salgada. Juntando todos os percursos e passeios andamos cerca de 2700 km. Gastamos cerca de 120 euros de pedágio e 185 euros de combustível (diesel). E 100 euros com estacionamentos (um valor considerável que pode ser diminuído se você tiver tempo para pesquisar e estacionar um pouco afastado das hospedagens).

DICA INTERESSANTE - Se você quiser, ainda aqui no Brasil, ter uma ideia do gasto com combustível e pedágios use o site www.viamichelin.pt . Coloque os seus roteiros e ele vai informando os gastos incluindo opções de caminhos com os respectivos gastos. No meu caso a margem de erro foi de menos de 10%. Achei muito bom.

Em todos os postos você coloca o combustível e vai ao caixa fazer o pagamento. Sem complicação. A operação da máquina de combustível não tem qualquer dificuldade. CUIDADO apenas com o tipo de combustível do seu carro. Na dúvida, se não informaram para você na entrega do veículo, verifique no documento que deve estar no porta luvas ou no papel que a locadora deu para você.

 

3. O TREM

Usamos apenas uma vez em um percurso pequeno entre Régua e Pinhão. Funcionou bem.

 

O PERÍODO DA VIAGEM

 

Viajamos entre 29/04/2017 e 13/05/2017. Pegamos chuva e frio (temperaturas abaixo de 20°C) em vários dias. Pela época esperávamos encontrar um tempo mais firme e mais quente. Mas não chegou a atrapalhar muito.

 Nosso tempo de viagem foi bem justo para o roteiro que projetamos. Deu certo em 90% dos casos mas dois imprevistos nos fizeram perder dois programas que gostaríamos de ter feito. Se você tiver tempo vale a pena ficar mais um dia, por exemplo, em Sevilha e Lagos (para dar tempo de um mergulho no maravilhoso mar do Algarve). Um pernoite nas cidades menores (Óbidos e Évora, por exemplo) foi suficiente.

 As viagens de carro não foram cansativas, mas foi um roteiro com bastante carro pois a viagem em si, parando nas cidades e praias, fazia parte do que havíamos programado. Se você é daqueles que não curte muito a viagem, pegue a autoestrada e vá direto aos destinos finais. Saindo por volta das 9 horas você vai chegar ao destino sempre a tempo de almoçar e ainda aproveitar o resto do dia.

 

AS HOSPEDAGENS

LISBOA - YES LISBON HOSTEL - Nota 11

Pela primeira vez, em nossas viagens, usamos um hostel. E foi uma excelente opção que usaremos nas próximas. Como éramos quatro pessoas fechamos um quarto para quatro pessoas com banheiro exclusivo. Funcionou como se estivéssemos em um hotel. Não é à toa que este hostel está entre os melhores do mundo. Tudo muito bem organizado e muito limpo. Café da manhã, incluído na diária, muito bom e um atendimento sensacional. Quase que podemos dizer que ficamos amigos do Pedro, do Ruy e do Fabio. O astral do local é ótimo e a localização excelente (5 minutos a pé da Praça do Comércio). Diária: 100 euros para o quarto quádruplo.

site: http://www.yeshostels.com/pt/hostels/lisboa

 

ÓBIDOS - CASAL DA EIRA BRANCA - Nota 9

Ficamos em um apartamento com sala, cozinha e dois quartos. Muito bom. Nosso quarto ficava separado da administração. O hóspede fica com a chave do apartamento que dá direto em uma rua secundária. Durante a noite não fica ninguém na recepção. O café da manhã, não incluído na diária, é muito bom. O atendimento também. Não é possível entrar de carro na vila. Você tem que deixar o carro na entrada e pedir para o hotel buscar as malas caso você não queira carregá-las. Mas dá para carregar, o hotel é perto da entrada. Diária: 103 euros pelo apartamento para quatro pessoas. Café da manhã - 6 euros por pessoa. Transporte das malas - 6 euros para cada percurso.

site: https://www.booking.com/hotel/pt/casal-da-eira-branca

 

PORTO - BNAPARTMENTS RIBEIRA - Nota 9

Hospedagem tipo AirBnb reservada pelo Booking.com . Excelente apartamento com sala e dois quartos. Muito bem localizado, muito próximo do Cais da Ribeira. Apartamento no segundo andar, prédio sem elevador. O atendimento também foi bom e sempre respondiam nossas questões pelo WhatsApp. Eles têm um convênio com um estacionamento próximo que cobra 18 euros por 24 horas. No local é 21 euros. Mas logo na saída do prédio, do outro lado da ponte, em Vila Nova de Gaia, a menos de 10 minutos de caminhada, tem um estacionamento muito bom por 7 euros / 24 horas. Usamos este a partir do segundo dia. Durante a noite ouvíamos um pouco de barulho vindo da rua. O sofá cama que fica em um dos quartos é bem desconfortável. Mas vale ficar lá. Diária: 88 euros pelo apartamento para quatro pessoas.

site: https://www.booking.com/hotel/pt/bnapartments-ribeira

 

ÉVORA - HI HOSTEL EVORA - Pousada de Juventude - Nota 9

Na verdade ficamos em um apartamento com sala, quarto e banheiro privativo. Bem amplo, O hostel é muito bem localizado. O café da manhã, incluído na diária, é simples mas é bom. A vista ao amanhecer com os pássaros cantando foi muito bonito. Como em toda cidade murada o acesso de carros tem restrições. Mas conseguimos encontrar um local, grátis durante a noite e pago durante o dia, para estacionar o carro. Diária: 66 euros pelo apartamento para quatro pessoas

site: https://www.booking.com/hotel/pt/pousada-de-juventude-de-evora

 

SEVILHA - AIRBNB - STYLISH, CONVENIENT NEXT TO CATHEDRAL AND ALCAZAR - Nota 9.5

Nossa primeira experiência com o AirBnb não poderia ter sido melhor. Excelente apartamento de quarto e sala no coração do Bairro Santa Cruz, tradicional e histórico em Sevilha. Vários grupos de turistas passam pelo local com os guias. Muito bem localizado e movimentado. O apartamento é super bem montado. Tem tudo que alguém precisa para uma hospedagem confortável. Tem máquina de lavar roupa, uma ótima opção para quem quiser diminuir o tamanho da mala levando só o essencial para a viagem, lavando no local para seguir viagem. A proprietária, a Gema, é super atenciosa e ainda deixou algumas dicas sobre passeios e diversões. Único senão do apartamento é o sofá-cama da sala que é desconfortável. Em caso de reserva é bom pedir um mapa detalhado do local pois o carro não chega na porta do prédio, chega perto, e, como as ruas são estreitas, o Google Maps se perdeu. Diária: 95 euros pelo apartamento para 3 pessoas (pago pelo site airbnb + 15 euros de taxa de limpeza pagos no local).

site: https://www.airbnb.com.br/rooms/2622561

 

LAGOS - CASINHA ALGARVIA - Lagos Guesthouses - Nota 8.5

Mais uma hospedagem em que a recepção fecha e você fica com a chave da entrada da pousada e do quarto. Muito limpa e confortável e a localização é muito boa. Próximo do centro mas fora da área que poderia ter algum barulho por causa dos bares e pubs da cidade. Foi difícil conseguir vaga para estacionar na praça onde fica a pousada, mas existe um estacionamento próximo por 4 euros / 24 horas. A proprietária, Joana, foi muito atenciosa e gostamos muito de ter ficado lá. Diária: 55 euros para duas pessoas + 4 euros por pessoa pelo café da manhã (vale a pena também)

site: https://www.booking.com/hotel/pt/casinha-algarvia-lagos-guesthouses.pt-br.html

 

OS PASSEIOS

 LISBOA - Caminhar pelas ruas da cidade curtindo a arquitetura do local e o astral da cidade é o melhor programa. Subir em um ou dois mirantes também vale a pena. Vá ao Castelo de São Jorge, assim você visita o Castelo e já contabiliza um mirante. O Bairro Alto é show. Caminhar pela orla do Rio Tejo no final da tarde é um baita programa. Uma amostra do fado na Tasca do Chico também foi muito bom. Sem falar no bacalhau, no vinho e nos doces das confeitarias. Entrar no Mosteiro dos Jerônimos não valeu a pena, não tem muita coisa para ver. Na Catedral sim, é lindíssima. O Padrão dos Descobrimentos é um belo monumento. Suba no elevador. Na Torre de Belém não entramos, a fila estava grande.

 

Lisboa - Praça D. Pedro IV (D. Pedro IV é como D. Pedro I é conhecido em Portugal)

 

SINTRA e CASCAIS foram bons passeios. Vale a visita ao Palácio da Pena e ao centro da cidade para comer um travesseiro na famosa confeitaria PIRIQUITA. Cascais também é muito bem cuidada e bem bonita.

 

SIntra - Palácio da Pena

 

 

 Cascais - Cidade muito bem cuidada

 

FÁTIMA é um espetáculo para todos, religiosos ou não. Talvez por ser tudo muito branco o Santuário inspira uma paz e uma tranquilidade muito grande.  

 

Santuário de Fátima

          

ÓBIDOS é bem pequena mas tem aquele padrão das cidades muradas que não tem erro. Construções antigas, tudo muito bem cuidado e um astral bem legal. Bons locais para refeições e lojas de artesanatos com coisas muito bonitas. Após o fechamento do comércio, às 19:00 horas, a cidade fica deserta, apenas restaurantes funcionam, mas a iluminação dá uma cor dourada à cidade muito bonita.

 

 Óbidos - Vista da entrada da Vila com o Castelo ao fundo

 

 NAZARÉ - Linda cidade. A Praia do Norte, a das ondas gigantes, é muito bonita e a praia da cidade mais ainda.

 

 Nazaré - A Praia do Norte


 

Praia de Nazaré
 
 
ÉVORA - A cidade é bem legal mas estava muito vazia, por ser domingo e feriado do Dia das Mães, e não foi possível curtir o astral do local.
 
 

 Évora - Templo Romano, também conhecido como Templo de Diana

 

SEVILHA - É uma linda cidade. Valeu muito o desvio que fizemos no roteiro para conhecê-la. Vale a visita ao Real Alcazar e à Catedral. Subir na torre La Giralda, se não for um sacrifício para você, vale a pena. Se for sacrifício, acho que dá para dispensar. Nos recomendaram muito o show de Flamenco no restaurante LA CARBONERIA. Acho que não demos sorte, não foi bom.

 

 Sevilha - A rua principal da cidade

 

ALGARVE - Nosso roteiro incluía a viagem Sevilha-Lagos parando nas praias do Algarve para conhecê-las. Tivemos um imprevisto e acabamos tendo que ir direto para Lagos. Voltarei lá algum dia e até com mais tempo para não só visitar como dar alguns mergulhos nas praias que parecem muito bonitas.

 

LAGOS - A cidade é bem bacaninha e acho que vi nessa região praias que estarão para sempre entre as mais bonitas que vi e verei na vida. Ponta da Piedade e Praia do Camilo são incrivelmente bonitas. Cabo de São Vicente e Praia Dona Ana são espetaculares. Vale voltar também, com mais tempo, para curtir esse local mais de perto.

 

 

Praia do Camilo

 

COSTA VICENTINA - Em vez de fazer o trecho Lagos-Lisboa pela autoestrada, optamos por usar estradas secundárias. Em uma parte desse percurso existem várias praias, uma ao lado da outra, e o trecho foi chamado de Costa Vicentina. Se você curte colocar a viagem como parte do passeio, sem hora pra chegar no destino final, parando para conhecer praias, tirando fotos ou parando para comer um petisco, vale a pena. Selecione algumas praias e tente encontrá-las. A região é bonita e muita gente faz esse percurso caminhando e pernoitando nas pousadas. Não encontramos nenhuma praia tão bonita quanto as de Lagos, mas algumas valeram a esticada.

 

Praia Monte Clérigo e, ao fundo, Arrifana

 

 Zambujeira do Mar

 

LISBOA, de novo - No último dia, antes do voo de volta para o Rio de Janeiro às 23:30 horas, ficamos em Lisboa e, é claro, tínhamos que fechar a viagem aqui.

 Peça, pelo menos, dois pasteis. E coloque açúcar e canela em um deles. Sensacional.

 

ALIMENTAÇÃO


Portugal é um ótimo país para o brasileiro se alimentar. Estamos acostumados com as comidas e o tempero é bem parecido com o nosso. A alimentação foi um dos pontos altos da viagem. Ainda no Brasil nos disseram que poderíamos ir a qualquer restaurante que a comida seria boa. E foi verdade. E por um preço sempre muito justo. Uma refeição com um bom prato de bacalhau e uma taça de vinho custava sempre menos de 15 euros. Sobremesas excelentes por 2 ou 3 euros. Em nossas viagens normalmente fazemos uma refeição melhor e depois é lanche. Nessa, almoçamos e jantamos praticamente em todos os dias, pela qualidade da comida e pelos preços. Não vimos exploração pelo fato de Portugal estar vivendo uma fase absolutamente turística.

 

DICA INTERESSANTE: Se você quer planejar a sua viagem e quer ter uma ideia de quanto vai gastar com alimentação, use o site www.quantocustaviajar.com . Você pode escolher o seu padrão entre econômico ou mais sofisticado e ele vai fazer as previsões. No nosso caso acertaram em cheio. Com 25 a 30 euros por dia você faz todas as refeições com direito a vinho, doces e algumas guloseimas. Sem luxo, é claro.

 

SEGURANÇA

 

Não tivemos qualquer problema. Muito boa a sensação de poder sair e andar sem susto com a máquina fotográfica no pescoço. Para não dizer que não existe nada, temos que tomar cuidado com os batedores de carteira, os CARTEIRISTAS como chamam por lá, que existem. E também vimos, em Lisboa, pessoas oferecendo drogas no meio da rua. Certamente a polícia sabe também e depois soubemos que Portugal adota uma política mais liberal com relação ao uso de drogas. Mas a cidade é bem policiada e não vimos qualquer problema.

 

RESUMO

 
Se você ainda não conhece Portugal, está perdendo. Quando começamos a estudar o país para fazer o roteiro descobrimos quão diversificado ele é. Ele tem história, tem tradição, tem muita beleza, tem cidade antiga murada, tem serra, tem neve com estação de esqui (no inverno, é claro) e praias espetaculares.

 

Fomos muito bem recebidos. Os portugueses foram sempre muito simpáticos e nos trataram muito bem. Parece que, realmente, gostam dos brasileiros. E falam o nosso idioma evitando aquele cansaço extra de ter que ficar se comunicando em outro idioma.

 

Sevilha foi a cereja do bolo da viagem. Levando o ditado para Portugal, foi o açúcar e a canela do Pastel de Belém. Manteve o nível da viagem lá em cima e até superou em alguns aspectos. Linda cidade que tem que ser visitada em um roteiro com Portugal ou com outras cidades da Andaluzia. 

 

Por essas e outras estamos com a sensação que essa foi aquela viagem que ainda não terminou. Portugal é aquele país que não dá para fecharmos como conhecido em apenas uma viagem. É preciso voltar lá para ver lugares que não vimos e, principalmente, para dar um mergulho naquele mar do Algarve.

 
Portugal voltou pra lista.  

 

Para ver mais fotos de PORTUGAL, além das que estão neste post, clique ao lado --> SÓ FOTOS - PORTUGAL

Para ver mais fotos de SEVILHA, além das que estão neste post, clique ao lado --> SÓ FOTOS - SEVILHA

 

POSTS RELACIONADOS

 

ITÁLIA - Veneza, Cinqueterre, Toscana e Roma 

Londres, Paris, Brugges e Amsterdam 

Réveillon na Disney 

AGRITURISMO - Hospedagem na Toscana